Destaques do Programa

1- Proposta inovadora, pelo foco interdisciplinar, que une a tecnologia de produção aos aspectos ecológicos, através da biotecnologia, envolvendo a bioprodução, a biodegradabilidade, a biorremediação, a prevenção de riscos ambientais e o aproveitamento de resíduos para a geração de novos materiais, assim como a gestão destes processos. A interdisciplinaridade proposta gerou disciplinas com conteúdos que transcendem os limites de áreas, possibilitando a formação de profissionais com o perfil necessário ao desenvolvimento do Programa energético brasileiro.

2- Único curso no nordeste, de cunho profissional na área de Bioenergia.

3- Engloba áreas de concentração com objetivos de formação mais tecnológicos, contendo cada uma suas linhas de pesquisa, têm servido de elos nas parcerias (já formalizadas e em formalização) com diversas empresas do setor.

4- Perpassa o conhecimento das relações ecológicas, acoplado aos estudos que levem à pesquisa, em nível celular metabólico, de bioprocessos e bioseparações, assim como a formação de novos materiais (compósitos), são investimentos necessários para o desenvolvimento tecnológico nesta área estratégica.

5- A criação do Mestrado Profissional em Bioenergia vem suprir uma carência regional frente a demanda tecnológica do país e do mundo em relação à diversificação e da matriz energética baseada em fontes renováveis.

Os comentários estão encerrados.